18.3.10

Senado aprova regulamentação da profissão de Historiador

.
No dia 10 de março de 2010 foi aprovada pela CAS (Comissão de Assuntos Internos) do Senado a profissão de historiador. O projeto de lei PLS 368/09, do senador Paulo Paim (PT-RS) e que teve como relator o senador Cristovam Buarque (PDT-DF), foi aprovado em decisão terminativa.

Esta aprovação não significa a proibição do exercício da atividade por aqueles que não possuem graduação ou mestrado ou doutorado em História, no entanto, garante, em concursos públicos, vagas aos indivíduos com formação na área. Vagas para o magistério estão incluídas nesta mudança, bem como estabelece-se a necessidade de participação do historiador na avaliação e seleção de documentos para preservação, na organização de informações para exposições, publicações e eventos, em serviços de pesquisa, e, ainda, a elaboração de pareceres, relatórios, planos, projetos, laudos e trabalhos sobre temas históricos.

Ao votar pela aprovação, Buarque destacou em seu discurso que, hoje, o campo de atuação do historiador não é mais restrito às salas de aulas, apontando, além de museus e centro culturais, a atuação do profissional em empresas do campo do turismo, da publicidade, do jornalismo, do cinema e da TV. Pela crescente importância deste ofício, o senador vê a regulamentação como meio legal de reconhecimento e valorização da profissão.

Apesar deste importante passo, isto não significa que a profissão de historiador esteja, ainda, regulamentada. O projeto continua a tramitar no Congresso Nacional. Resta, agora a todos nós, acompanhar os próximos passos desta história.

Leia mais sobre a profissão do historiador aqui e na Revista Tema Livre:

Historiadores a um passo da regulamentação de sua profissão (20 fev 2010)

Conheça, na íntegra, o projeto que visa regulamentar a profissão do Historiador

Historiador é a 5ª melhor profissão dos EUA (01 fev 2010)

É estabelecido o Dia Nacional do Historiador (18 jan 2010)
.

10 comentários:

lucidreira disse...

Acompanhei o desenvolver da matéria no senado junto as comisões, fiquei feliz em ver aprovado.
Muito bom mesmo.

Prof. Adinalzir disse...

Prezado Lucidreira

Também fico feliz em saber que você esteve atento a todo esse processo. O negócio agora é aguardar para ver no que dá.

Um grande abraço e muito obrigado pela visita!

Valdeir disse...

Adinalzir,

Embora eu não seja professor de história, fico contente com essa notícia, pois também sou Educador.

Os professores devem ser reconhecidos muito além das salas de aulas. Eu, como professor de Português e pós-graduado em Linguística, ficarei muito feliz quando a Linguística tiver o mesmo reconhecimento.

Abraços e parabéns.

Prof. Adinalzir disse...

Caro Valdeir

Agradeço de coração pelo seu valioso comentário.

Eu espero que esse reconhecimento não sirva de pretexto para cobrança de anuidades e outras despesas para a categoria.

Muito obrigado pela visita!

Tathiana disse...

Oi Adinalzir, fiquei feliz e ao mesmo tempo preocupada com a notícia. Feliz por achar que já havia passado da hora de historiador ser uma profissão reconhecida. Preocupada com o que isso pode gerar como por exemplo: cobranças de taxas, entre outras coisas que castigam vários profissionais. (vão surgir aproveitadores, pode esperar...)
Abraços!
(estou de endereço novo, por favor, se puder, atualize o link para www.diariodaeducacao.com.br; aparece lá para conhecer!)

Prof. Adinalzir disse...

Minha amiga Tathiana

Apesar dos temores. Temos que aguardar para ver. Deixarei um comentário lá no Diário da Educação.

Agradeço a sua visita!

Abraços, :-)

GiGi disse...

Nossa, que maravilha! :-))

Acredito que será um ganho precioso para a área da pesquisa em História, o Brasil precisa muito.

Um beijo!

Prof. Adinalzir disse...

Minha amiga Gigi!

Que encanto tê-la por aqui!

Seus comentários e a sua visita só enriquecem cada vez mais o meu blog. Aguarde que em breve também estarei lá no Canto e verso e no Dançar, Dançar, Dançar.

Beijos, :-)

Juliana Pires disse...

Gostei da aprovação, é uma forma de valorizar o profissional.

Beijos

Prof. Adinalzir disse...

Prezada Juliana Pires

Agora é esperar que essa aprovação renda frutos para todos nós como profissionais.

Agradeço a sua visita e comentário!

Beijos, :-)

BlogBlogs.Com.Br