25.11.09

Links interessantes da Revista História Viva

.
Pac para a preservação.
Programa de Aceleração do Crescimento vai destinar R$ 150 milhões por ano para projetos de conservação do patrimônio histórico em 124 cidades.
http://www2.uol.com.br/historiaviva/noticias/pac_para_a_preservacao.html

As novas jóias da humanidade.
Unesco inclui 13 novos sítios na Lista do Patrimônio Mundial. Burkina Fasso, Quirguistão e Cabo Verde aparecem pela primeira vez na relação.
http://www2.uol.com.br/historiaviva/noticias/as_joias_da_humanidade.html

Quando a história vira uma arma do Nacionalismo.
Marcelo Cândido da Silva, professor de história medieval da USP alerta para os riscos de buscar uma base étnica ancestral para as nações modernas. Levada ao extremo pelos nazistas, a prática foi usada para justificar as teses da superioridade racial.
http://www2.uol.com.br/historiaviva/reportagens/entrevista_com_marcelo_candido_da_silva.html

A história subterrânea das metrópoles.
Exposição retrata transformações em grandes cidades do mundo que acontecem à margem da lógica do poder e da produção.
http://www2.uol.com.br/historiaviva/noticias/transformacoes_urbanas_em_perspectivas.html

O nascimento da lenda do rei Artur.
Biblioteca Nacional da França inaugura exposição sobre as origens de um dos mitos mais poderosos da história mundial.
http://www2.uol.com.br/historiaviva/noticias/o_nascimento_da_lenda_do_rei_artur.html

Um maluco no poder.
Que o terceiro imperador romano tenha sido um sanguinário, ninguém duvida. Suas famosas crises de epilepsia, porém, explicam pouco ou nada desse perfil. Para conhecê-lo, é preciso falar de suas origens familiares e do ambiente depravado que o cercava.
http://www2.uol.com.br/historiaviva/reportagens/um_maluco_no_poder.html

A face civil da ditadura militar.
Documentário conta a vida do empresário dinamarquês Henning Albert Boilesen, que nos anos 60 financiou e apoiou politicamente a Operação Bandeirante. http://www2.uol.com.br/historiaviva/noticias/a_face_civil_da_ditadura_militar.html

A República dos meus sonhos.
Alguns setores apostaram em suas utopias, outros, mais pragmáticos, agiram movidos por interesses bem objetivos, apenas emoldurados por um discurso. http://www2.uol.com.br/historiaviva/artigos/a_republica_dos_meus_sonhos.html

Multimídia.
De Onde Veio - Conheça a história do Livro.
http://www2.uol.com.br/historiaviva/multimidia/de_onde_veio.html

Lévi-Strauss, pioneiro da USP.
Os intelectuais brasileiros acabam de perder um de seus maiores mestres. Claude Lévi-Strauss, falecido no dia 03 de novembro, fez parte do grupo de professores franceses que em 1934 desembarcou no Brasil para organizar os cursos de ciências humanas daquela que se tornaria a mais importante universidade do país.
http://www2.uol.com.br/historiaviva/reportagens/levi-strauss_professor_da_usp.html

Caio Prado, um intelectual eterno.
Biblioteca Nacional lança versão virtual da exposição sobre a vida e a obra de um dos maiores intelectuais brasileiros.
http://www2.uol.com.br/historiaviva/noticias/caio_prado_um_intelectual_eterno.html

A Enciclopédia, recenseamento do saber.
No século XVIII, Diderot e D’Alembert organizaram a primeira obra que colocava ao alcance dos leitores o conjunto dos conhecimentos filosóficos e científicos disponíveis na época. Era o início de uma revolução intelectual.
http://www2.uol.com.br/historiaviva/reportagens/a_enciclopedia_recenseamento_do_saber.html

Em busca dos endereços esquecidos.
Historiador americano quer identificar lugares que foram palco de importantes acontecimentos históricos e acabaram relegados ao esquecimento. http://www2.uol.com.br/historiaviva/noticias/em_busca_dos_enderecos_esquecidos.html

Não havia higiene na Idade Média?
Os homens cheiravam mal e não trocavam de roupa, e os camponeses viviam com animais. Não existiam banhos, mesmo porque lavar-se não era coisa bem vista. Certo? Errado!
http://www2.uol.com.br/historiaviva/artigos/nao_havia_higiene_na_idade_media_.html

Comentário: Agradeço a Fernanda Figueiredo pelo envio dos links. Com certeza, eles serão muito úteis para todos os pesquisadores interessados.
.

15.11.09

A república do silêncio

.
No dia em que se comemora a Proclamação da República. Coloco aqui no blog um fato interessante que se passou na pequena cidade mineira de Manhuaçu, que mostra que, por causa de uma rivalidade entre um coronel e o vigário, quase surgiu uma república no interior de Minas Gerais no final do século XIX.

Este artigo é o primeiro da série "Outras Repúblicas", que será publicado ao longo do mês na Revista de História da Biblioteca Nacional.
Leia mais
.

1.11.09

A criação das primeiras universidades

.
As universidades eram uma das instituições mais importantes e significativas da época medieval, inclusive porque não existia um modelo equivalente nas outras civilizações vizinhas, judias, árabes, ou outras anteriores.

A sua criação resultou de um processo complexo para o qual convergiram fatores sociais, culturais e históricos.

Podemos dizer que as escolas das catedrais, cujo crescimento alcançou maior importância no século XII, e os métodos de ensino que nelas se desenvolveram representaram uma etapa decisiva na formação das universidades contemporâneas...
Saiba mais. Clique aqui
.

Nilton Bravo (1937-2005), O Michelangelo dos Botequins

Um dos painéis de Nilton Bravo tombado pela Prefeitura no Bar Sulista, na Praça Coronel Assunção, 357 (Gamboa) Nilton Bravo (1937-2...