26.10.07

Os primeiros bairros da Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro

Engenho de Dentro, Engenho Novo e Engenho da Rainha. Não é à toa que esses bairros vizinhos têm nomes parecidos. Ainda no tempo de Estácio de Sá, no século XVI, após a fundação da cidade e com a distribuição de terras, surgiram inúmeros engenhos, boa parte de cana-de açúcar e de café. Daí, com o passar dos anos, as fazendas foram sendo divididas, e os primeiros bairros da Zona Norte, criados. O bairro do Engenho da Rainha, por exemplo, fez parte das terras pertencentes à rainha Dona Carlota Joaquina, casada com D. João VI e mãe de Dom Pedro I.

A origem do Engenho de Dentro, que recebeu um estádio com capacidade para 45 mil pessoas, está intimamente ligada ao transporte ferroviário. A estação que recebe o nome do bairro é uma das mais antigas do Rio, inaugurada em 1858, junto com as da Central do Brasil, de Cascadura, Queimados e Japeri. No terreno de 360 mil metros quadrados onde foi construído o Engenhão, funcionou uma das maiores oficinas de manutenção de locomotivas da América do Sul.

Texto de Carlos Moraes

COMENTÁRIO: É isso aí! Que o sucesso do estádio do Engenhão dê ao bairro e ao país o reconhecimento que toda a sua população precisa. Ponto para a história e ponto para o futebol.

Sepetiba em 1827, numa aquarela de Jean-Baptiste Debret

No panorama da imagem, temos uma visão da Baía de Sepetiba, da Serra da Coroa Grande e de Itacuruçá, e também da pequena vila dos pes...