15.7.10

A primeira polícia brasileira e o Major Vidigal

.
Aquarela de Augustus Earle, 1822.

Criada a partir de um modelo autoritário desde os tempos de
D. João VI, a primeira polícia brasileira sempre foi muito violenta. O que contribuiu para despertar o medo e a desconfiança na nossa população até os dias atuais.

Por isso sempre é bom lembrar, do temível chefe de polícia do Rio de Janeiro na época da Corte, o famoso Major Vidigal.

Segundo o amigo André Mansur do blog Emendas e Sonetos "Vidigal escolhia seus comandados pelo tamanho e truculência e gostava de usar nas suas rondas um chicote de haste longa e pesada, com tiras de couro cru na extremidade. Os vagos procedimentos legais não eram nem de longe seguidos pelas guarnições do major, que quando chegavam numa batucada também batiam, e muito, em quem encontrassem pela frente".

Sobre ele, Mário de Andrade diz em seu livro: "O Major Vidigal, que principia aparecendo em 1809, foi durante muitos anos, mais que o chefe, o dono da Polícia colonial carioca. Habilíssimo nas diligências, perverso e ditatorial nos castigos, era o horror das classes desprotegidas do Rio de Janeiro". Já o escritor Alfredo Pujol lembra uma quadrinha que corria sobre ele no murmúrio do povo:

Avistei o Vidigal.
Fiquei sem sangue;
Se não sou tão ligeiro
O quati me lambe.

Em 10 de julho de 1843, faleceu no Rio, o Marechal Miguel Nunes Vidigal, capoeira exímio e que apareceu, como o Major Vidigal, no livro "Memórias de um Sargento de Milícias", considerado um dos maiores clássicos da nossa literatura.

Quer saber mais?
http://pt.wikipedia.org/wiki/Miguel_Nunes_Vidigal
http://www.revistadehistoria.com.br/v2/home/?go=detalhe&id=1157
.

6 comentários:

Victor Faria disse...

Como já é de costume: Cultura, a gente vê por aqui!
Vivendo e aprendendo aqui!

Abraço! Tenha um ótimo fim de semana professor!

Prof. Adinalzir disse...

Prezado Victor Faria

Fico muito honrado com sua visita e elogio. Um ótimo final de semana para você também!

Abraços, :-)

Ana Claúdia disse...

Olá, professor! Seu blog é nota 1000!
Visito sempre e cada vez aprendo mais.

Bjos,

Prof. Adinalzir disse...

Oi, Ana Claudia

Valeu mesmo! Muito obrigado pela visita!

Beijos, :-)

André Luis Mansur disse...

Obrigado pela citação, professor. Muito bom o texto e a quadrinha também, que não conhecia. Acho que quanto mais divulgarmos a história deste personagem entenderemos melhor a história das políticas de segurança pública brasileiras.

Grande abraço!

Prof. Adinalzir disse...

Prezado André Mansur

É isso aí! A história da polícia brasileira é um tema que fascina e que merece ser divulgado por todos nós.

Um grande abraço e muito grato pela visita! :-)

BlogBlogs.Com.Br